FUTEBOL

Loading...

quarta-feira, 9 de maio de 2012

INTERNACIONAL E FLUMINENSE.

 O Fluminense é favorito e o Colorado, vai como franco atirador. O momento dos cariocas é melhor e me parece que o time não só é mais forte, como também chega mais completo para á decisão. Assim sendo com toda a problemática envolvendo Oscar e sua provável não escalação, aliada a ausência de D"alessandro por lesão acho que a vaga fica com o Tricolor pó de arroz.

Um comentário:

  1. Olá Marcos!

    Acho que esse jogo serviu pra demonstrar de vez que o TINGA NÃO SERVE MAIS PARA O INTER!
    Pode pesquisar, 60 % dos colorados acham que o TINGA deve ser reserva, 30% acham que nem pra isso ele serve mais e tem que ir embora, e uns 20% só ainda achavam que ele devia ser titular(acho que agora até esses vão desistir).

    Hoje ele tinha a responsabilidade de ser o capitão, e o que aconteceu?
    Compara com os outros capitões do Inter.

    É só comparar:
    O Fernandão foi o CAPITÃO PLANETA conquistando a libertadores e mundial para nós.
    O Bolivar foi o CAPITÃO AMÉRICA conquistando o bi para nós.
    E o TINGA foi o CAPITÃO FRACASSO!!!


    Ele tá LENTO e PESADO, só corre pra lá e pra cá MAS NÃO FAZ NADA! é o chamado "USINA HIDROELÉTRICA PRA ACENDER UMA LAMPADA SÓ"
    ou seja, muita correria e pouco resultado.
    Sem contar que ele tentar dar uma de atacante... MAS NÃO SABE CHUTAR!!!!!
    E ainda por cima não tem folego PRA TERMINAR OS 90 MINUTOS DE NENHUMA PARTIDA!!! tem que ser substituido sempre...
    E ainda tá sempre se machucando....

    Então somando tudo isso temos no Tinga:
    -Um jogador que não guarda posição
    -Um jogador que tá sempre se machucando
    -Um jogador que só faz corre-corre mas produz pouco
    -Um jogador que tentar jogar no ataque mas nunca faz gol e nao sabe chutar.
    -Um jogador que não aguenta 90 minutos


    resumindo... O TINGA JÁ ERA! NÃO SERVE MAIS PARA O NÍVEL DO INTER!
    É isso que a maioria da torcida do Inter acha(alguns ainda querem para reserva, mas para TITULAR ninguem mais quer).

    ResponderExcluir

Comente este artigo.