FUTEBOL

Loading...

terça-feira, 14 de agosto de 2012

MERCADO EM PORTO ALEGRE.

- Não tá fácil é o que temos para o momento, sai da Band Am 640 no final de 2010, pois a emissora havia contratado Haroldo de Souza, fui para a Guaiba Am 720 fiquei lá exatos 365 dias, ai recebi o convite para retornar para a Band. Estou apostando no espaço da nova Sports FM 90.3, que no momento espelha as jornasdas da Band Am, mas tem a intenção de acreditar e focar no Futsal, Vôlei , Basquete e outras modalidades. Hoje meu nivel de narração se mantém em alta graças a minha participação de dois anos e meio na equipe de esportes da Rádio ABC 900 Am do Grupo Sinos, onde toda a semana ao menos um jogo tenho para narrar. Não tá fácil, mas prossigo na linha de frente. Tinha vontade de tentar a sorte em outro estado mas até hoje não pintou convite. O rádio do Paraná e do interior de São Paulo me parece forte, pode ser que uma hora dessas pinte convite, até lá como diz João Garcia: " vamos comendo desta massa".

MANO MENEZES.

- Não vai permanecer como treinador da seleção, no entanto não fez mais ou menos do que qualquer outro profissional que nos comandou em Olimpíada.

PAULO HENRIQUE GANSO.

- Em estado de depressão, não participou das Olimpíadas em Londres, não se integrou ao grupo de jogadores, não participou dos treinamentos, quando dos trabalhos propostos por Mano, olhava para o vazio, por isso foi desconvocado do amistoso diante da Suécia, ou seja precisa de tratamento. É um jogador de 22 anos, que já passou por algumas cirurgias e parece estar sem confiança para seguir a carreira.

MEDALHAS É UMA QUESTÃO DE CULTURA .

- Não adianta, não temos outra cultura que não seja para os esportes ditos coletivos, digo: Futebol , Vôlei, Basquete e por ai vai. Não vão em quatro anos conseguir mudar isso, não temos vontade politica e nem eenxergo no povo disposição para amar o atletismo , ginástica olimpíca e outras modalidades individuais e solitária. O garoto sonha é em jogar futebol e de preferência na europa, agora não  sonha em recordista ou medalhista olimpíco porque sabe que além de dificil em termos de Brasil não dá dinheiro.